/ Gestão

Só tendo um bom descanso você terá um bom desempenho!

“A capacidade de parar é tão importante quanto a capacidade de andar”. A frase é do americano Timothy Gallwey, pai do coaching, e reafirma a ideia de que trabalhar por um tempo maior não significa trabalhar melhor. Todo profissional deve saber que se tiver um bom descanso terá um bom desempenho, já que há um período de tempo no qual atingimos o ápice do desempenho, mas depois disso, perdem-se produtividade e qualidade do trabalho.

A frase de Gallwey também tem base científica: dormir bem melhora a memória e o funcionamento do cérebro. Isso se deve à restauração do sistema nervoso central que acontece durante o sono. Por causa disso, na manhã seguinte, o cérebro consegue armazenar mais facilmente dados e informações e a pessoa se sente mais atenta e concentrada. Isso nos leva ao tema deste artigo: um bom descanso é sinônimo de bom desempenho.

Não basta dormir, é preciso dormir bem

Um artigo publicado na Harvard Business Review mostrou a importância de dormir (e dormir bem) para conseguir melhorar o desempenho em todas as atividades diárias. E pasme: os efeitos causados pelo cansaço e pela falta de sono podem ser tão ou ainda mais prejudiciais que o excesso de álcool no sangue. Mas o que é uma noite de sono boa? Para os especialistas é a união perfeita de quantidade e qualidade, ou seja, dormir as horas necessárias sem perturbações. A média de sono por noite de adultos que não têm problemas de sono é de cerca de sete horas, mas não é uma regra. Algumas pessoas podem necessitar de mais tempo do que outras. A dica é planejar o sono, ou seja, estabelecer horários regulares para dormir e acordar, já que ter um horário fixo é importante para aumentar a produtividade.

Mesmo assim, sabemos que passar noites sem dormir ou dormindo pouco é um fato corriqueiro na vida dos profissionais. O problema é, como já abordamos acima, deixar de dormir para trabalhar não aumenta o desempenho, piora. Quando falamos em saúde, uma alimentação balanceada e a prática de atividades físicas são fundamentais, mas a necessidade de um sono de qualidade é tão importante quanto. Como já abordamos aqui no blog, cuidar da saúde é um princípio da produtividade, e isso inclui uma boa noite de sono.

Não tem tempo?

Provavelmente você tem tempo sim. O grande problema é a falta de gestão dele. Se você começar a se organizar melhor para realizar atividades pessoais e profissionais, certamente sobrará tempo para uma ótima noite de sono e você terá um bom desempenho no dia seguinte Mesmo que você ainda não esteja sentindo os efeitos prejudiciais de noites em claro, é bem provável que seu rendimento seja afetado ao longo prazo, por isso comece agora a organizar seu fluxo de trabalho. Existem ferramentas de gestão que ajudam a organizar e priorizar tarefas, definindo quais são as atividades mais importantes e realmente urgentes. Isso significa que você terá uma ferramenta que ajuda a ter foco no que importa.

Uma noite mal dormida pode desencadear sintomas como irritabilidade, fadiga, redução do desempenho no trabalho, alteração da memória, da concentração e do humor. E o pior: a privação do sono pode levar à depressão. Bom descanso!

Quer saber quais são os principais hábitos de uma pessoa produtiva? Acesse o post

CTA-DM-2-6

Rafael Fialho Teixeira

Rafael Fialho Teixeira

Atua há mais de 5 anos na área de Negócios da Desk Manager Software. Formado em TI e especializado em Gestão de Serviços, ITSM, ITIL, Cobit e Customer Success.

Leia Mais