O que é ROI e como calcular o retorno sobre investimento
Gestão

O que é ROI e como calcular o retorno sobre investimento

Célio Fabiano
Célio Fabiano

Tabela de conteúdos

Você sabe o que é ROI? Sabe como calcular o retorno sobre os investimentos feitos em estratégias de marketing por sua empresa?

Fazer investimos é indispensável para o crescimento de um negócio, independentemente do seu porte ou nicho.

No entanto, tão importante quanto ter um planejamento e colocar diversas ações de marketing em prática, é entender como cada uma delas retorna para sua empresa.

Para isso, existem diversas métricas que podem ser usadas para analisar o resultado do marketing. E o ROI é uma delas.

A seguir, veja o que é e como usar essa métrica para conferir se os investimentos feitos em seu negócio estão trazendo resultados, o que você deve manter e o que é melhor pausar.

Afinal, o que é ROI?

ROI é uma sigla para o termo em inglês “return on investment” ou “retorno sobre investimento”, em português.

Assim como o próprio nome sugere, essa é a métrica responsável por revelar o quanto de retorno financeiro a empresa ganha ao investir em ações de comunicação e marketing. Ela pode mostrar, também, caso não haja nenhum retorno.

Trata-se, portanto, de um excelente indicador. É capaz de oferecer resultados concretos sobre cada campanha ou ação em específico, além de também ser uma oportunidade de mensurar custos e, talvez, abrir espaço para testar novas técnicas e ferramentas.

Incluir o ROI nas análises de resultado é uma ótima maneira de identificar os melhores investimentos, que devem continuar rodando, assim como aqueles que renderam abaixo do esperado, dando oportunidade de analisar criticamente a situação e optar por interromper o investimento ou aplicar novas estratégias para aumentar a performance.

É a partir da leitura do ROI que a sua equipe será capaz de analisar com dados concretos as iniciativas mais vantajosas para o seu negócio.

Sendo assim, o ROI define diretamente as metas do seu planejamento, já que ajuda a pensar em resultados tangíveis.

Software de atendimento ao cliente com gerenciamento de ativos

Como calcular o ROI?

Para realizar o cálculo ROI é necessário ter alguns dados importantes previamente delimitados. São eles:

  • A receita total obtida ao longo do período que você pretende analisar;
  • Os valores dos investimentos em ações e campanhas de marketing do mesmo período.

Com esses dados em mãos, basta colocá-los em uma fórmula básica para descobrir o ROI. Veja como é simples:

ROI = receita total - investimentos (custo) / investimentos (custo)

O resultado da conta é o resultado sobre investimento obtido. Ou seja, o ROI!

Um cálculo em que o resultado é 5, por exemplo, significa que o retorno que a empresa obteve foi 5x o valor investido.

Para quem prefere trabalhar com porcentagem, basta multiplicar o ROI total por 100. Em nosso exemplo, o retorno seria de 500% em comparação ao valor inicial.

É interessante que o ROI seja calculado no geral, mas também em áreas diferentes ou para campanhas específicas.

Isso porque, ao fazer análises menores, você consegue coletar dados mais específicos de cada área. E, no final, consegue ter uma visão macro do quão lucrativa tem sido as iniciativas do seu negócio.

Como usar o valor do ROI na prática?

Após encontrar os valores do ROI é preciso associá-lo a outras informações e dados, que também são relevantes para a campanha, para confirmar se a ação foi positiva ou negativa para a empresa.

Para isso, é preciso criar relatórios completos dos valores de ROI encontrados. Abaixo, veja algumas dicas de como fazer isso.

4 passos para criar relatórios eficientes de ROI

  1. Entenda o seu público: esse é o passo inicial e mais básico para criação de qualquer relatório. Isso porque, para cada público, existem diferentes abordagens que devem ser aplicadas ao longo do relatório.
  2. Tenha definido as informações que vão compor o seu relatório: neste momento é hora de escolher o que vai entrar no relatório para ser apresentado. O ponto principal aqui é encontrar informações coerentes e, principalmente, mensuráveis de acordo com cada métrica utilizada.
  3. Saiba selecionar os dados mais relevantes: de nada adianta jogar vários dados e números no relatório se eles não são fáceis de ler e entender. Lembre-se que as informações, para serem úteis, precisam se complementar e servir como validação uma para a outra.
  4. Apresente análises que se ancoram em dados precisos: é muito importante que, após todos esses passos, você formule análises coerentes que podem gerar insights. Considere incluir na análise, por exemplo, quais foram as ações e também o que não foi feito na campanha, qual a ligação entre as ações de sucesso e as de baixo rendimento.

Por fim, não esqueça de focar no ROI alcançado: o que ele representa de bom? Em que ponto é possível avançar ainda mais? Quando é a hora de pausar ou deixar de stand-by? Essas questões vão ajudar a agir de forma mais estratégica e inteligente nas próximas campanhas.

Como melhorar o ROI?

Para melhorar o ROI é preciso potencializar os investimentos.

Otimize a verba disponível e aplique nas estratégias mais coerentes, assim, você terá um retorno melhor do que o anterior. É exatamente nesse aspecto que o relatório se faz necessário: por meio da leitura de dados, você identifica o que foi bom para repetir, e o que não performou tão bem para evitar.

Além disso, tenha sempre em mente objetivos muito bem definidos! Isso significa que, antes de colocar a mão na massa, é indispensável separar um tempo para planejar campanhas e cada passo que será dado.

Com o histórico de análises e dados anteriores é possível também definir com mais facilidade e clareza as novas metas a serem alcançadas.

Nova call to action

Por fim, entenda profundamente quem é o seu público e cada fase da jornada de compra da sua empresa. Isso é fundamental para otimizar tempo, atingir os grupos certos e manter o consumidor em potencial interessado na sua marca até se tornar  um cliente e, futuramente,ser fidelizado.

Conhecendo bem cada etapa dessa jornada, também fica mais simples distribuir as ações de marketing para cada uma dessas fases.

Como vimos, o ROI está diretamente relacionado ao bom desempenho das campanhas de marketing de uma empresa, por isso, é preciso entender bem essa métrica para ter melhores resultados!

Assim como o ROI, existem muitos indicadores interessantes que devem ser acompanhados para ter uma visão geral da saúde de um negócio. Se você não sabe quais são eles, leia: "Indicadores de atendimento: por que usá-los no seu negócio?" e aprenda a acompanhá-las e analisá-las. Confira!



Junte-se à conversa.