Programa para abrir chamado técnico: quando contratar um

Decidir o momento certo de contratar um programa para abrir chamado técnico pode ser difícil, no entanto, se você trabalha com atendimento ao cliente é muito provável que, uma hora ou outra, precisará desse tipo de software.

Nós sabemos que o atendimento já não é mais o mesmo de 30 anos atrás. Hoje em dia, o consumidor quer ser atendido rapidamente e pelo canal de comunicação que preferir.

Dentro dessa realidade, as empresas se desdobram para oferecer um sistema de suporte de qualidade e que cause boas impressões no cliente.

Contratar um programa para abrir chamado técnico é uma forma de melhorar o suporte ao consumidor, pois esse tipo de software ajuda no gerenciamento das solicitações.

Isso quer dizer que o próprio programa integrará todas os pedidos de suporte, permitindo que você abra e feche as solicitações quando quiser e ainda as divida por prioridades.

Isso é muito útil no dia a dia da organização, pois seus atendentes podem ficar sobrecarregados e acabarem ficando perdidos naquilo que deve ser feito.

Concluímos, portanto, que um programa para abrir chamado técnico pode ser extremamente útil para as empresas, principalmente para aqueles que desejarem oferecer um atendimento ainda melhor ao seu público.

Por isso, no artigo de hoje vamos te mostrar quatro indicadores que mostram quando você precisa contratar um programa para abrir chamado técnico.

Ficou interessado? Então continue a leitura!

Quando há dificuldade de monitoramento

Uma vez que seja notada a dificuldade em gerenciar os chamados, já é necessário começar a pensar na possibilidade de se contratar um programa para abrir chamado técnico.

Se há dificuldade no gerenciamento é sinal que a demanda por suporte está alta demais para ser monitorada e gerenciada com papéis e canetas ou até planilhas simples.

É necessária a utilização de um software que integre todas essas solicitações em um único local, permitindo uma melhor visualização das demandas.

Dessa forma, é possível dividir os chamados em níveis de prioridade , tornando possível dividir os esforços da equipe de suporte de maneira mais adequada.

Além disso, o gestor também poderá enxergar, muito mais claramente, as solicitações que já estão resolvidas e as que ainda estão em aberto.

Um bom programa para abrir chamado técnico costuma contar, inclusive, com uma ferramenta de envio de solicitações, em que é possível enviar avisos e alarmes para a equipe responsável quando o chamado for atualizado ou precisar de um cuidado mais urgente.

Quando a satisfação do cliente está baixa

A satisfação do cliente está diretamente ligada ao serviço de atendimento ao cliente que ele teve contato.

Hoje em dia um bom atendimento ao cliente é indispensável para a boa experiência do cliente no processo de compra como um todo.

Ter um programa para abrir chamado técnico é uma excelente forma de melhorar a satisfação do seu cliente, pois, com esse tipo de software, o cliente não precisa ficar muito tempo esperando por respostas e pode entrar em contato pelo canal que preferir.

Esse é um diferencial que nem todas as marcas têm: permitir que o cliente faça a solicitação por canais distintos e esses chamados sejam todos abertos em uma mesma plataforma.

Dessa forma, a equipe de suporte pode atender a todos igualmente e levando em consideração, inclusive, o histórico do consumidor com aquela marca.

Você pode medir a satisfação do seu cliente através de uma pesquisa de NPS, que normalmente é enviada dentro da Pesquisa de Satisfação do Cliente.

A pesquisa de NPS consiste na pergunta: "em um escala de 1 a 10, o quanto você recomendaria nossa marca a um amigo ou familiar?"

Com a resposta, você pode dividir os consumidores em clientes promotores da marca, detratores da marca ou neutros.

De 9 a 10, o cliente é considerado promotor da marca, o que significa que ele vai fazer propagando positiva da sua marca por aí.

Respostas entre 7 e 8 são dadas por clientes neutros, que são aqueles que não desgostaram mas também não amaram sua marca.

Já os clientes que dão nota abaixo de 7 são os detratores da marca, o que significa que eles falarão mal da sua empresa para amigos e familiares.

Se sua empresa está ganhando detratores da sua marca e o motivo dessa insatisfação está ligado ao atendimento, é hora de começar a pensar em contratar um software de atendimento.

Quando a equipe parecer perdida

Se sua equipe de suporte parece não saber direito o que fazer é sinal que o processo está sendo mal gerenciado. Uma boa forma de resolver? Contratando um programa para abrir chamado técnico.

Nós já dissemos anteriormente que esse tipo de software ajuda — e muito — no bom andamento dos trabalhos ligados ao suporte técnico.

Como todas as demandas ficam integradas em uma única plataforma, a equipe perde menos tempo migrando de ferramenta em ferramenta.

Além disso, com tudo integrado, as informações dos clientes também ficam em locais de mais fácil acesso, evitando aquelas situações chatas em que o cliente precisa repetir seus dados várias vezes.

Quando a demanda por suporte técnico for alta

Quando tem-se um demanda baixa de suporte, é possível fazer um gerenciamento adequado sem, necessariamente, contar com a ajuda de um programa específico.

No entanto, a partir do momento em que a demanda cresce , torna-se mais complicado manter o mesmo nível de atendimento e prazos sem um software para ajudar.

Nesses casos, contratar um programa para abrir chamado técnico se mostra uma boa opção.

Além disso, o próprio programa disponibiliza relatórios dos resultados obtidos na sua operação de suporte, como o tempo médio gasto no atendimento, sua taxa de resolução do problema no primeiro contato etc.

Tudo isso torna o trabalho dos analistas de suporte mais simples, permitindo que eles se concentrem no que realmente deve importar: o cliente.

Agora que você já sabe quando contratar um programa para abrir chamado técnico, achamos que você pode se interessar também pelo nosso e-book: O guia completo para gerenciar equipes de suporte. Baixe gratuitamente através do link!

Fabio Teles

Fabio Teles

Faz parte da equipe de Gestão e Serviços na Desk Manager Software. Tem 10 anos de experiência com TI em suas mais variadas formas. Especialista em ITIL, CobIT, ITSM, Analise e Gestão de Insights

Leia Mais