/ Gestão

4 indicadores de desempenho para monitorar o sucesso da sua equipe

Uma equipe engajada, metas sendo alcançadas e a sua empresa crescendo em números e qualidade. Esse cenário é considerado o sonho de muitos gestores. Contudo, na prática, muitos não sabem o que fazer para chegar lá. Você sabia que monitorar indicadores de desempenho pode trazer grandes resultados para a sua empresa?

Se você ainda não utiliza indicadores dentro da sua empresa, esse é o momento de você repensar a sua estratégia.

Diante de um mercado tão competitivo como o de hoje, se faz necessário pensar, cada vez mais, em maneiras de aumentar o desempenho dos colaboradores a fim de direcionar a empresa para resultados melhores.

Devido à importância dos indicadores de desempenho, iremos hoje mostrar alguns exemplos para você começar a aplicá-los ainda hoje na sua empresa.

Mas, antes, você sabe o que são indicadores de desempenho?

Entendendo o conceito de indicadores de desempenho

Queremos falar, rapidamente, sobre a definição desse termo tão importante dentro das organizações.

Indicadores de desempenho, ou KPIs, Key Performance Indicators, como são comumente chamados, são métricas quantitativas da performance de um negócio.

Como em todo indicador, essa métrica indica uma informação útil e importante para a empresa. Dessa maneira, a relevância dessa informação se faz essencial para momentos de tomadas de decisão.

É necessário investir em treinamentos? Qual tipo de treinamento? Minha produção, ou serviço, possui um gargalo? O que é necessário mudar para vender mais?

Essas são apenas algumas das muitas perguntas que podem ser respondidas com base na análise dos indicadores de desempenho.

Não há mistério: com base em sua estratégia, defina quais indicadores fazem sentido para a sua empresa e não perca tempo. Comece a monitorá-los o mais rápido possível.

Depois de implementá-los na sua rotina, não deixe de fazer a análise de o que esses números representam. Senão, os indicadores serão apenas mais um número e não uma informação relevante.

Indicadores de desempenho são de extrema importância para qualquer organização, independente de seu tamanho ou ramo de atuação.

Logo, o que queremos destacar no nosso artigo de hoje são quais os indicadores de desempenho você pode usar no seu dia a dia. Vamos lá?

Os principais indicadores de desempenho

Quando falamos em indicadores de desempenho, há algumas subdivisões que diferem os tipos existentes de acordo com o seu principal objetivo; são os indicadores de qualidade, de capacidade e de produtividade.

Independente de qual tipo você escolher, os indicadores de desempenho irão fornecer insumos para uma visão sistêmica da sua empresa.

Continue a leitura e saiba quai são os principais indicadores de desempenho para uma empresa que deseja sucesso.

Indicador de lucratividade

Não é difícil ver uma empresa que teve uma boa entrada no seu fluxo de caixa, contudo, ainda assim, a margem de lucro permaneceu pequena.

Essa situação é muito desagradável.

Com certeza houve muito trabalho e dedicação, afinal, a receita foi positiva, mas a lucratividade não correspondeu ao esperado. Isso é frustrante.

Provavelmente, nesse caso, existem muitos custos que impedem um bom lucro no empreendimento.

Por isso, um indicador do percentual de lucro sobre o faturamento global pode ajudar em muito. Assim, será possível entender de maneira mais clara o que tem acontecido na empresa para que, mesmo com um bom faturamento, o lucro ainda é indesejado.

Indicador de produtividade

Talvez essa seja um dos tipos de indicadores de desempenho mais conhecidos. Para aplicá-lo na sua empresa, é preciso entender a sua realidade específica.

O que isso significa?

Bom, se a sua empresa vende softwares um indicador de produtividade pode ser o número de clientes em determinado período.

Se você possui uma fábrica de cerveja, outro indicador de produtividade pode ser a quantidade de litros produzida em uma hora.

Se a sua empresa é um call center, você pode definir como indicador de produtividade a taxa de abandono. Ou seja, o número de pessoas que não permaneceram na ligação devido ao tempo de espera.

Existem inúmeras maneiras de mensurar a produtividade, unicamente, dentro do seu negócio.

Entenda os seus processos internos e defina os indicadores de produtividade com base naquilo que fará mais sentido dentro da sua realidade.

Indicadores de vendas

Todas as empresas trabalham com vendas. Seja uma empresa de consultoria, ou uma empresa que comercializa determinado produto, todas precisam vender.

Diante disso, é necessário monitorar os resultados apresentados pela sua área de vendas.

Para isso, é possível estabelecer dois tipos de indicadores , sendo o primeiro o número bruto das vendas em determinado período. Por exemplo, em um mês foram vendidos X produtos.

Esse indicador te dá uma visão geral do que está acontecendo dentro do seu setor comercial.

Contudo, será que a sua equipe tem apresentado um desempenho interessante? Para saber essa resposta, você pode mensurar a efetividade das negociações.

Em 10 atendimentos, quantas propostas foram de fato fechadas?

Assim, você poderá entender melhor onde estão os gargalos do seu processo de vendas e quais ações podem ser traçadas para melhorar tal desempenho.

Indicadores de satisfação

Esse pode ser um dos indicadores de desempenho mais importantes. O seu cliente está satisfeito com o serviço oferecido pela sua empresa?

Clientes insatisfeitos podem ferir o seu empreendimento de diferentes maneiras e, por esse motivo, devem ser evitados a todo custo.

Uma das formas de mensurar a satisfação do seu cliente, e que se demonstra muito útil, é por meio da Pesquisa de Satisfação.

A Pesquisa de Satisfação está diretamente ligada ao processo de atendimento ao cliente. Contudo, você também pode direcionar essa pesquisa, de maneira mais específica, para o seu produto ou serviço em si.

É importante, no momento de elaborar a pesquisa, saber quais perguntas devem ser feitas. Elas serão a base das informações e insumos que você conseguirá.

Voltando ao atendimento, a satisfação do cliente está diretamente ligada a esse processo da sua empresa.

Podemos entender como atendimento não apenas aquele que é feito com o objetivo de venda, mas todos os pontos de interação do seu cliente, ou possível cliente, com a empresa.

O atendimento que você tem oferecido é satisfatório?

É impossível ter sucesso sem ter clientes satisfeitos. Por isso, não deixe de mensurar esse resultado dentro da sua empresa.

A relação entre cliente e atendimento faz esse processo ser igualmente intrínseco dentro da empresa.

Para que você tenha indicadores de desempenho que demonstram resultados cada vez melhores, não deixe de baixar o nosso e-book gratuito sobre O Guia Completo para Gerenciar Equipes de Atendimento.

CTA-DM-1

Fabio Teles

Fabio Teles

Faz parte da equipe de Gestão e Serviços na Desk Manager Software. Tem 10 anos de experiência com TI em suas mais variadas formas. Especialista em ITIL, CobIT, ITSM, Analise e Gestão de Insights

Leia Mais