Criar uma loja virtual vem sendo um dos sonhos de muitas pessoas, pois com a internet tudo ficou facilitado, desde o marketing, a relação com o cliente até o fechamento da venda de um negócio.

Mas cabe sempre questionar, por onde começar e quais os produtos vender? Essas são perguntas que precisam ser respondidas antes do projeto iniciar.

O e-commerce possui muitas vantagens para quem sempre almejou em abrir uma loja, só que no caso uma loja online. Esse comércio é o que mais cresceu nos últimos anos.

Portanto, determinar alguns pontos são fundamentais para o sucesso do seu negócio, mas também não é garantia, pois apenas criar o site não determinará bons resultados, é preciso ser estratégico, usar ferramentas que agregam na funcionalidade e destaque para a sua marca.

Diante disso, para te ajudar na criação da sua loja virtual do zero, separamos um guia prático sobre os processos indispensáveis, mas antes, vamos pensar estrategicamente em alguns pontos.

Pense no produto que irá vender

Ao falar de estratégias, o primeiro passo para construir seu próprio e-commerce é através da pesquisa de produto.

De nada adianta abrir uma loja online, sem determinar o que será vendido na plataforma, alinhando o segmento dos produtos com a pesquisa do mercado.

A pesquisa de mercado vai ajudar a descobrir as tendências de consumo, oferecendo um produto de valor, antes de se aventurar em qualquer negócio que esteja escasso.

Faça um planejamento financeiro

Como se trata de um negócio, é preciso ter planejamento financeiro, por isso, aqui vão algumas dicas de tudo que deve ser avaliado antes de criar o site da sua loja:

  • Pesquisa de produtos com fornecedores;
  • Estabelecimento de um capital de giro;
  • Somar os custos fixos com hospedagens e manutenções do site;
  • Determinar o quanto será de investimento em marketing e demais recursos para manter a plataforma funcionando.

É importante colocar tudo na ponta do lápis, ter um controle das despesas até mesmo depois que o site estiver no ar, isso ajuda a pensar nas estratégias de vendas, investimentos e melhorias da sua empresa.

Crie e personalize sua plataforma para sua loja

Agora que você já sabe os pontos fundamentais para iniciar qualquer negócio,
confira o passo a passo básico para começar a sua loja online.

1- Escolha uma plataforma para criar o seu site

Existem diversos espaços virtuais que oferecem ferramentas para montagem do seu site, incluindo opções de domínio, templates, funcionalidades básicas como carrinho de compras, opções de pagamento virtual, chats para atendimento ao cliente e muito mais recursos.

2- Registre seu domínio

Uma forma identificar sua marca é através do nome, por isso, é importante
determinar essa possibilidade, usando-o inclusive no endereço do seu site.

A ideia é registrar um domínio que leve o nome da sua marca, ou com palavras-chave que representa o seu negócio, como por exemplo, loja shopnet. Para quando o cliente encontrar os produtos, ele memorize sua identidade.

3- Determine um bom servidor

De nada adianta ter um nome destacado, se o site não funciona de maneira que
deveria e nem traz segurança para o usuário.

Por isso, inclua em sua lista de indispensável um bom servidor, com capacidade de armazenamento, suporte e segurança para o cliente, limite de tráfego e demais qualidades que agregaram na sua loja.

4- Personalise suas páginas

Um site responsivo é a chave do negócio. O usuário quer navegar da melhor forma, experimentando as buscas de produtos, conferindo avaliações de outros clientes e encontrando as informações sobre pagamentos.

Com isso, o designer da plataforma é fundamental, de modo que o usuário possa ter uma melhor experiência que vai além da compra de um produto. Seu site deve atender as expectativas do seu cliente.

5- Estabeleça as formas de pagamento

Para um site online de vendas é importante que tudo esteja bem explicado, bem como, a descrição dos produtos e as formas de pagamento.

Por isso, determine quais serão as formas que o usuário terá para pagar pelos
produtos, levando em consideração as estratégias de pagamentos parcelados com cartão de crédito e boletos.

6- Escolha bons parceiros para realizar frete

As prestadoras de serviços com frete são as melhores opções para usar no seu negócio, mas é preciso analisar bem a reputação da empresa antes de fechar negócio.

Portanto, faça parcerias, mas priorize as transportadoras pontuais na entrega e com boas classificações, pois esse tipo de serviço influencia na satisfação dos seus clientes.

7- Cadastre seus produtos

Agora que você já tem o segmento e os produtos determinados para sua loja virtual, é hora de cadastrar seus produtos.

Priorize uma imagem com qualidade do produto, crie uma descrição informativa e disponibiliza um espaço para avaliações dos usuários.

8- Invista em atendimento ao cliente

O atendimento ao cliente é um dos pontos fundamentais para manter sua loja funcionando, pois nada mais prejudicial do que comprar em uma loja e ser mal atendido.

Os chats online para comunicação com o cliente são ótimas ferramentas para entender o seu público, além de oferecer suporte de informações que podem ajudar nas vendas dos produtos.

Aplicativos de mensagens automáticas disponíveis na plataforma, também é uma ótima alternativa para o atendimento ao cliente.

9- Crie formas de atrair clientes potenciais

Com o site funcionando, é hora de atrair leads para o seu negócio, com publicação de conteúdos relevantes e divulgação nas redes sociais.

Você pode investir em um blog, anúncios pagos ou posts nas redes sociais, mas
lembre-se de adaptar o conteúdo para a persona do seu negócio.

Por exemplo, se a sua loja for de calçados e sua persona for ligada em moda, crie posts interativos, com looks e curiosidades sobre alguns lançamentos de produtos.

10- Divulgue seus produtos

A divulgação é a alma do negócio, por esse motivo, determine quais as formas que serão usadas para o marketing dos seus produtos.

As redes sociais são ferramentas com bons resultados para lojas online, mas é
necessário ser estratégico, não basta apenas divulgar foto e preço do produto,
convide o público para interagir em seu site.

Portanto, o marketing de conteúdo anda junto com as estratégias de vendas, saiba usá-los e tenha os melhores resultados em vendas para a sua loja virtual.

Vendas Sistema de Help Desk