/ Gestão de Atendimento

Analista de TI: descrição do cargo e sua importância no setor

Você já parou para pensar na importância que um analista de TI tem dentro desse setor? A área de Tecnologia da Informação (TI) tem apresentado um crescimento expressivo nos últimos tempos.

Mesmo em meio às dificuldades econômicas, é impossível não investir em tecnologia na sua empresa. Seja com um sistema específico, ou um software mais elaborado, a tecnologia é necessária.

Não aproveitar os recursos que temos disponíveis hoje em dia seria como aceitar que o fracasso pode bater à sua porta.

A tecnologia veio para revolucionar o modo como vivemos e fazemos negócios, trazendo inovação e praticidade.

As mudanças que decorreram a partir do desenvolvimento da tecnologia foram tantas, que não as utilizar significa permitir que o seu empreendimento fique para trás. E você não quer isso.

Com todas essas novidades, e também para que elas fossem acessíveis a nós, alguns cargos tornaram-se essenciais no processo de transformação do nosso cotidiano.

O analista de TI , ou analista de suporte técnico, é um cargo dentro da equipe de TIque teve um papel fundamental nessa expansão do setor.

Para que a gente entenda a importância do analista de TI no setor da tecnologia, por que não entendermos o que ele faz?

Continue conosco nessa leitura para se informar ainda mais.

Entendendo melhor as atribuições do cargo

Para início de conversa, você precisa saber de forma clara quais são as principais funções de um analista de TI.

Esse profissional é responsável pela infraestrutura de TI de uma empresa. Isso quer dizer que ele vai garantir que o tráfego de informações ocorra de maneira segura e sem problemas.

O analista de TI deve se preocupar em fazer com que qualquer sistema instalado ou componente da infraestrutura de TI opere em máxima performance.

Também é de sua responsabilidade instalar esse software, ou hardware, e quaisquer sistemas operacionais que podem vir a ser necessários.

Além disso, ele também deve realizar a manutenção de toda essa tecnologia disponível, resolvendo eventuais problemas que podem surgir durante a sua utilização pelo usuário de TI.

Usuário, ou usuário de TI, é aquele que usa recursos disponibilizados pela área de TI, softwares ou hardwares, para desempenhar as suas funções no trabalho, mas que não tem o domínio técnico necessário para lidar com problemas que possam surgir.

É nesse momento que o analista de TI tem uma das suas principais atribuições: o contato com o usuário para a resolução de algum conflito ou danos no sistema.

É o analista de TI quem vai, muitas vezes, receber o chamado do usuário e atender a essa solicitação.

Esse chamado pode ser registrado por meio de um sistema de chamados , que pode se dar através de um sistema help desk.

Um Software de Help desk nada mais é do que uma plataforma virtual que centraliza todas as solicitações de suporte enviadas à equipe de TI.

A resolução do problema em si pode se dar presencialmente, com analista de TI se deslocando até o usuário, ou também através de acesso remoto.

Essa é uma tecnologia que permite o acesso a um computador mesmo que a quilômetros de distância, o que pode ser muito benéfico para quem presta esse tipo de serviço.

Sabendo das funções que um analista de TI possui, é importante também sabermos as competências necessárias para o desempenho desse tipo de trabalho.

Competências de um analista de TI

Existem algumas competências que são indispensáveis para a ocupação do cargo. Elas são essenciais para que o analista de TI tenha um trabalho com o resultado desejado.

Vamos destacar aqui algumas das principais.

1. Foco no cliente

Como vimos, o analista de TI terá contato direto com o cliente, ou seja, com o usuário de TI, e por esse motivo o foco do seu trabalho deve estar no cliente.

É essencial que o analista pense em levar a melhor solução para o seu cliente, oferecendo um atendimento de qualidade, se importando com o sucesso e satisfação do cliente.

2. Comunicação

Mais uma vez pensando no cliente, é necessário que o analista de TI saiba se comunicar de forma clara.

O usuário de TI, muitas vezes, é leigo em tecnologia e por isso precisa que as informações sejam transmitidas de forma mais clara e compreensível por ele.

3. Trabalho em equipe

Um analista de TI não trabalha sozinho. Por demanda, tempo e condições, a grande maioria das empresas não possui apenas um único analista, mas sim uma equipe.

Logo, é necessário que cada analista de TI saiba como lidar com outro que desempenha as mesmas funções que ele.

4. Saber trabalhar sob pressão

O analista de TI acaba sendo exposto, constantemente, a situações de estresse. Isso ocorre porque muitas coisas dependem dele.

Se um sistema fica fora do ar, uma empresa pode ficar completamente inoperante. Por essa razão, o analista de TI deve saber como lidar com situações que exigem soluções rápidas.

Muitas vezes, nessas situações, a cobrança por uma solução rápida é muito comum e por isso a necessidade de saber trabalhar sob pressão.

Descrevendo o cargo de analista de TI já deu para entender como o analista é importante para o setor de TI, não é mesmo?

É o analista de TI quem vai lidar diretamente com o contratante da tecnologia e também quem vai prover as soluções para os mais diferentes problemas que podem surgir.

O papel que desempenha é fundamental em todas as mudanças tecnológicas que vivemos por acabar atuando como a ponte que nos traz esses conhecimentos de maneira mais palpável.

Por isso, é de extrema importância fazer uma seleção efetiva para o cargo de analista de TI, bem como também é importante, depois de contratá-lo, proporcionar capacitação.

Para isso, busque treinamentos que desenvolvam as competências que citamos em nosso artigo para que o seu analista de TI esteja cada vez mais capacitado a desempenhar sua função.

O analista de TI influencia diretamente no sucesso da sua empresa e está presente tanto nos serviços de help desk quanto de service desk. Você sabe a diferença entre esses dois termos? Se não, tire sua dúvida no nosso artigo: Help desk e Service desk: você sabe realmente a diferença?

Fabio Teles

Fabio Teles

Faz parte da equipe de Gestão e Serviços na Desk Manager Software. Tem 10 anos de experiência com TI em suas mais variadas formas. Especialista em ITIL, CobIT, ITSM, Analise e Gestão de Insights

Leia Mais