Análise SWOT: tudo sobre essa metodologia
Gestão

Análise SWOT: tudo sobre essa metodologia

Rafael Fialho Teixeira
Rafael Fialho Teixeira

Tabela de conteúdos

Se você já está no mercado corporativo há alguns anos, certamente já se deparou com o termo Análise SWOT.

Afinal, essa é uma das mais conhecidas ferramentas de planejamento estratégico entre as empresas, além de ser uma das mais completas: permite a análise dos ambientes interno e externo, e como esses aspectos se relacionam e interferem no sucesso de um negócio ou projeto.

Por isso, se você ainda não conhece a metodologia SWOT ou não sabe como aplicá-la, chegou a hora de entender tudo isso e muito mais.

Continue sua leitura e descubra tudo sobre essa ferramenta.

O que é análise SWOT?

A análise SWOT, matriz SWOT ou análise FOFA é uma das ferramentas de planejamento estratégico mais conhecidas nas empresas, sobretudo no setor de marketing.

Ela pode ser utilizada para fazer o planejamento estratégico da empresa como um todo, para um setor específico ou, até mesmo, para um projeto que você quer tirar do papel.

O grande propósito dessa análise é entender o cenário em que a empresa está inserida ou o mercado em que esse novo projeto irá adentrar.

Afinal, por meio dela, é possível descobrir quais são as possíveis forças e ameaças, assim como elencar fraquezas que podem se tornar oportunidades.

A sigla SWOT, inclusive, tem a seguinte definição:

  • Strengths: força;
  • Weaknesses: fraquezas;
  • Opportunities: oportunidades;
  • Threats: ameaças.

No final, o objetivo da metodologia SWOT é garantir uma maior chance de obter bons resultados, a partir dessa avaliação prévia do contexto.

Como fazer a análise SWOT?

Pensar nos "prós" e "contras" ao tomar uma decisão é algo muito comum quando falamos na vida pessoal, não é? Mas, e quando os assuntos são negócios? Você tem esse mesmo hábito?

A análise SWOT funciona da mesma maneira que uma lista de prós e contras, mas em outro formato e com informações a mais.

Tudo com o objetivo de garantir uma previsibilidade de resultados mais certeira.

Nova call to action

Na prática, a metodologia traz as colunas de forças e fraquezas para que sejam preenchidas informações internas. Ou seja, os pontos positivos e os negativos da empresa, setor ou projeto que irá iniciar.

Já as oportunidades e ameaças complementam a análise, mas dessa vez com uma visão externa, com dados que vão desde os concorrentes à questões como o contexto social e o cenário econômico atual.

Assim, a matriz SWOT possibilita que a empresa analise não apenas o mercado, mas também faça um estudo  interno do seu funcionamento atual.

Para isso, você deve:

  • Criar sua estrutura SWOT;
  • Identificar forças e fraquezas do seu negócio;
  • Analisar oportunidades e ameaças do mercado (fatores externos em geral).

Depois disso, basta que você entenda:

  • Quais forças do seu negócio podem combater as ameaças externas?
  • Quais forças do seu negócio podem potencializar as oportunidades encontradas?
  • Quais fraquezas do seu negócio podem colocar essas oportunidades em risco?
  • Quais fraquezas do seu negócio podem aumentar as ameaças?

Para deixar tudo mais claro, que tal um exemplo de análise swot? Vamos lá!

Análise swot na prática: exemplo

Análise swot

Fonte: blog.iset.com.br

Vamos imaginar uma análise SWOT de um novo software de atendimento ao cliente:

Forças

  • Plataforma intuitiva

  • Tecnologia própria

  • Integrações com outros serviços


Oportunidades

  • Alta demanda para a solução 

  • Poucas empresas nacionais oferecendo o serviço no mercado

  • Plataformas estrangeiras que cobram em dólar e a alta da moeda


Fraquezas

  • Software ainda pouco conhecido no mercado

  • Equipe enxuta e demandas em excesso

  • Carteira de clientes ainda pequena


Ameaças

  • Plataformas estrangeiras reconhecidas no mercado com soluções semelhantes

  • Poucos profissionais com conhecimentos específicos e necessários no mercado atualmente 


Dessa forma, após a análise de fatores internos e externos, a empresa de software de atendimento ao cliente é capaz de ter uma visão geral de como está seu cenário atual e quais melhorias poderiam ser realizadas, para aproveitar as oportunidades encontradas da melhor forma.

Por que a metodologia SWOT é importante para sua empresa?

O principal ganho que utilizar a metodologia SWOT do seu negócio pode trazer, é a tomada de decisão estratégica.

Afinal, quando você consegue ter uma visão clara de como sua empresa está hoje e qual a sua posição no mercado em que está inserido, você também:

  • Encontra oportunidades para melhorias e novos produtos;
  • Descobre como solucionar problemas;
  • Consegue planejar os próximos passos, para melhorar a autoridade da marca.

Esse tipo de informação, no entanto, só é possível a partir do momento em que há uma análise, um levantamento dos pontos fortes e fracos, dos riscos e oportunidades que o seu negócio tem frente ao mercado.

A análise SWOT, portanto, ajuda a ter um panorama geral do negócio que pode render muitos frutos para a empresa em geral.

Já no caso da metodologia aplicada para projetos, seu uso é ainda mais interessante.

Afinal, você tem a oportunidade de analisar de forma completa quais são as chances do seu produto ou serviço performar bem no mercado.

Além disso, abre-se um caminho para entender os seus diferenciais em relação aos outros projetos similares que existem e, claro, quais gargalos ainda não foram supridos e que você pode preencher para aumentar o valor da sua solução.

Telegram

São muitas as vantagens de tornar a análise SWOT uma ferramenta de uso constante dentro do seu negócio.

Invista em Business Intelligence para potencializar seu negócio

Agora que você sabe o que é análise SWOT e como a metodologia pode ajudar a tomar decisões mais acertadas, chegou a hora de dar um passo além.

O business intelligence é uma estratégia importante a ser adotada em toda empresa que deseja aumentar suas chances de crescer no mercado, precisa de informações reais e, evidentemente, saber o que fazer com elas.

Afinal, depois de análises interna e externa do seu negócio, nada melhor do que aprender a acompanhar e ler dados para aumentar ainda mais a assertividade das suas escolhas, não é?

Então, leia agora o nosso conteúdo "O que é Business Intelligence (BI) e como trabalhar com ele" e aprenda tudo sobre isso!



Junte-se à conversa.